Constantino Martinez Orts, director de la Film Symphony Orchestra

CONSTANTINO MARTÍNEZ-ORTS, DIRETOR MUSICAL

O maestro Martínez-Orts é compositor, diretor de orquestra e divulgador musical especializado em música de cinema. É um músico inteligente e singularmente expressivo, caracterizado pelo seu contagioso entusiasmo e pela paixão que transmite nas suas interpretações. A prova disto são as clamorosas ovações do seu sempre emocionado público.

É professor de direção de orquestra na Berklee College of Music e ideólogo da Film Symphony Orchestra, que dirigiu na maior parte de auditórios de Espanha e em lugares tão singulares como a praça de touros de Las Ventas, o Palácio Vistalegre ou o Palacio de los Deportes de Madrid e o Palau Sant Jordi de Barcelona. Apaixonado pelos projetos especiais, partilhou palco com personalidades como Alan Silvestri, Harrison Ford, Hugh Grant, Pablo Alborán, Paz Vega ou o futebolista Roberto Carlos, entre outros.

Como diretor de orquestra especializado em música de cinema, dirigiu em Espanha, Frozen e Regresso ao Futuro em concerto, espetáculos em que o filme foi projetado com a banda sonora interpretada ao vivo.

Em 2016 foi assessor e membro do júri no Concurso Internacional de Composição de Bandas Sonoras Juan Gil Bodegas Familiares, responsabilidade e honra que partilhou com Bruce Broughton, Roque Baños ou Lucio Godoy.
Em 2017 dirigiu e compôs a música original para a gala da trigésima primeira edição dos Prémios Goya.

Obteve prémios internacionais como o Grande Prémio de Direção de Orquestra da Moldávia ou o 2º Prémio no Concurso Internacional de Direção de Orquestra em Craiova. Também dirigiu as mais prestigiadas orquestras europeias.

Como compositor ganhou os seguintes prémios: o “Postgraduate Composers Prize” que The London College of Music outorga ao melhor compositor Master; o Prémio do Concurso Nacional de Composição “Amadeus”; o Prémio do Concurso Internacional de Composição "Tomás Luis de Victoria"; o Prémio para a Melhor Banda Sonora na XXXI edição da Amostra de Cinema de Valência; e o Prémio Jerry Goldmisth pela sua obra Pax et Bonum, entre outros.